A China já é a maior economia do mundo

Tampa_

Member
Registrado
China ultrapassará os EUA como nação com maior capacidade de energia nuclear até 2026: pesquisa
Pequim, que tem 20 reatores em construção e outros 176 planejados ou propostos, está empenhada em aumentar a energia nuclear para reduzir a dependência do carvão


A rápida expansão nuclear da China resultará na ultrapassagem dos Estados Unidos como a nação com a maior capacidade de energia atômica até 2026, de acordo com a BMI Research.
A segunda maior economia do mundo quase triplicaria sua capacidade nuclear para quase 100 gigawatts até 2026, tornando-se o maior mercado global, disseram analistas em nota datada de 27 de janeiro.

http://www.scmp.com/news/china/poli...f-pause-china-rushes-build-more-nuclear-power

O país tem 20 reatores atualmente em construção, de acordo com a Agência Internacional de Energia Atômica.

Outros 176 foram planejados ou propostos, muito mais do que qualquer outra nação, informou a Associação Nuclear Mundial.

“Esperamos que o crescimento continue e que a China surja como um dos maiores mercados nucleares do mundo em termos de capacidade instalada total na próxima década, à medida que o enorme pipeline de reatores planejados, propostos ou em construção gradualmente se torne operacional”, Georgina Hayden , chefe de energia e pesquisa renovável da BMI, disse.

“Além disso, ao expandir seu próprio setor nuclear doméstico, o país desenvolverá a expertise para exportar capacidades nucleares e tecnologia nuclear para o exterior.”

A participação do carvão na matriz energética do país cairia gradualmente para pouco menos de 54% em 2026 de seus atuais 70%

PIB da China: Xi Jinping diz 'completamente possível' dobrar o tamanho da economia até 2035, apesar da hostilidade estrangeira
  • A China pode se tornar um país de alta renda em 2025 e dobrar o tamanho da economia em 2035, disse o presidente Xi Jinping
  • Xi também afirma que o país pode contar com seu mercado interno para crescer à medida que o mundo se torna menos amigável

Por outro lado, já faz um tempo que não tive que resolver esse problema específico, mas em 10 minutos reaprendendo os logaritmos e a China precisa crescer 4,73% a cada ano para dobrar o PIB de 2020 até 2035.

Entre 2021-35, portanto, a taxa de crescimento total ajustada pela inflação da China será de 112,32%, o que significa que a economia da China em 2030 será 112,32% maior do que era em 2020 (este ano), ou uma taxa média de crescimento anual de 5,15% entre 2021 e 2035; isso significa que a economia da China pode facilmente mais do que dobrar de tamanho até 2035. Na verdade, é provável que a duplicação da economia possa ser alcançada ainda mais cedo em 2033-34. Embora essa previsão seja bastante pessimista, acho que a previsão do próprio Xi para 2035 é o tipo mais pessimista de "cenário de pior caso" para a economia chinesa, especialmente se Trump tivesse sido capaz de prosseguir com a dissociação total e a Guerra Fria 2.0, o que agora é altamente improvável com uma presidência de Biden.

No geral, minha conclusão é sim: é extremamente provável, quase certo, que a economia da China possa dobrar até 2035.

--- Post duplo é unido automaticamente: ---

China planeja incentivos para impulsionar o crescimento populacional e enfrentar o envelhecimento da sociedade: relatórios
  • A China está considerando o apoio financeiro e político no plano de cinco anos 2021-25 para encorajar os casais a ter mais filhos
  • As políticas para suprimir o crescimento populacional devem ser substituídas por um sistema para aumentar a fertilidade: Legal Daily

A China está planejando incluir novas medidas para encorajar mais nascimentos e resolver seu população que envelhece rapidamente como parte de seu novo “plano de cinco anos” 2021-25, informou a mídia estatal na segunda-feira.

A China oferecerá amplo apoio financeiro e político para encorajar os casais a ter mais filhos, afirmaram os especialistas oficiais do China Daily .

“Políticas populacionais mais inclusivas serão introduzidas para melhorar a fertilidade, a qualidade da força de trabalho e a estrutura da população”, disse Yuan Xin, vice-presidente da Associação de População da China.

China introduziu um polêmico "um pequeno policial" em 1978, dizendo que os esforços para reduzir a pobreza e desenvolver a economia estavam sendo prejudicados pelo rápido crescimento populacional, especialmente nas áreas rurais.

Mas a nação mais populosa do mundo decidiu em 2016 relaxar as restrições e permitir que os casais tenham um segundo filhoem uma tentativa de abordar o
rápido aumento na população idosa, bem como uma força de trabalho cada vez menor. Alguns especialistas dizem que agora deve descartar todos os limites inteiramente.

O número de cidadãos com 60 anos ou mais ascendia a 254 milhões no final do ano passado, representando 18,1 por cento da população. O número deve aumentar para 300 milhões até 2025 e 400 milhões até 2035, colocando uma enorme pressão sobre o sistema de saúde e assistência social do país, dizem os demógrafos.

Os demógrafos também prevêem que, segundo as tendências atuais, o número de pessoas em idade produtiva pode diminuir em 200 milhões até 2050.

Apesar do relaxamento da política de filho único em 2016, o número de nascidos vivos por 1.000 pessoas caiu para um mínimo recorde de 10,48 no ano passado, ante 10,94 em 2018.

As políticas destinadas a suprimir o crescimento populacional devem ser substituídas por um sistema projetado para aumentar a fertilidade, disse o jornal oficial Legal Daily , citando especialistas do governo.

“Para enfrentar proativamente o envelhecimento da população, são necessárias medidas urgentes para reformar as políticas de planejamento familiar do nosso país e liberar a fertilidade”, disse Zheng Bingwen, especialista da Academia Chinesa de Ciências Sociais.

China vai aproveitar a população idosa na tentativa de enfrentar a iminente crise demográfica, impulsionar a economia
  • A China está planejando políticas para aumentar a contribuição econômica de seus cidadãos idosos, incluindo a melhoria do uso de tecnologia
  • Em 2019, 12,6 por cento da população da China tinha 65 anos ou mais e esse grupo atingirá 300 milhões até 2025, mostram dados oficiais

A China quer ver mais idosos contribuindo para sua economia de US $ 13 trilhões de dólares, à medida que o país mais populoso do mundo se prepara para os efeitos do envelhecimento rápido da população e da redução da força de trabalho após mais de três décadas de política do filho único.

O governo chinês disse este mês que lançará políticas específicas para impulsionar o consumo e desenvolver “recursos humanos” entre seus cidadãos idosos, incluindo o fornecimento de treinamento para ajudar os aposentados a se integrarem à agitada economia digital.

Em particular, Pequim deseja que os idosos façam melhor uso da tecnologia inteligente em tratamentos médicos, atividades recreativas e serviços públicos, o que também ajudaria a reduzir os custos gerais do governo e aumentar a eficiência.

Já está crescendo o número de pessoas com mais de 50 anos conectadas à internet móvel, assim como a quantidade de tempo que passam online, de acordo com uma pesquisa da QuestMobile, uma empresa chinesa de análise de dados.

Existem agora mais de 100 milhões de pessoas com mais de 50 anos usando a internet móvel, gastando em média 136 horas em seus dispositivos inteligentes por mês, disse a QuestMobile em uma pesquisa de julho.

Em 2019, 12,6 por cento da população da China tinha 65 anos ou mais e essa demografia atingirá 300 milhões durante o período do 14º Plano Quinquenal entre 2021-25, disse o Ministério dos Assuntos Civis em um relatório na semana passada.

Ler plano quinquenal me deixa com tesão.

Enfim, coisa linda uma economia planificada.
 

irresponse

New Member
Registrado
Historicamente (e estou falando dos últimos 3 mil anos), a China sempre foi o maior e mais avançado país do mundo. Só que a China tem o hábito de se desintegrar e reintegrar por distúrbios internos de tempos em tempos.

O que o mundo vive nos últimos 300~500 anos é uma anomalia histórica, uma combinação do surto de brilhantismo tecnológico europeu (grandes navegações, novo mundo, revolução industrial, etc) concomitantemente a uma China muito enfraquecida, passando por graves distúrbios internos que culminaram na queda do império e poucas décadas depois na implantação do comunismo.

Mas a China é gigante e poderosa (sempre foi, sempre será), já se recuperou várias vezes e tá se recuperando de novo, já se adaptou à nova direção e agora volta com tudo. O Império Britânico só pintou e dançou na China do século XIX pq ela estava numa (muito) má fase.

Então meus amigos, o título do tópico deveria ser "A China voltou a ser a maior economia do mundo".

É um país com 3 mil anos de história, a maior parte desse tempo na liderança, esses últimos 300 anos de bad foram só um tropeço, um pequeno detalhe na história da China, logo ela voltará à liderança absoluta.
 

Tampa_

Member
Registrado
Historicamente (e estou falando dos últimos 3 mil anos), a China sempre foi o maior e mais avançado país do mundo. Só que a China tem o hábito de se desintegrar e reintegrar por distúrbios internos de tempos em tempos.

O que o mundo vive nos últimos 300~500 anos é uma anomalia histórica, uma combinação do surto de brilhantismo tecnológico europeu (grandes navegações, novo mundo, revolução industrial, etc) concomitantemente a uma China muito enfraquecida, passando por graves distúrbios internos que culminaram na queda do império e poucas décadas depois na implantação do comunismo.

Mas a China é gigante e poderosa (sempre foi, sempre será), já se recuperou várias vezes e tá se recuperando de novo, já se adaptou à nova direção e agora volta com tudo. O Império Britânico só pintou e dançou na China do século XIX pq ela estava numa (muito) má fase.

Então meus amigos, o título do tópico deveria ser "A China voltou a ser a maior economia do mundo".

É um país com 3 mil anos de história, a maior parte desse tempo na liderança, esses últimos 300 anos de bad foram só um tropeço, um pequeno detalhe na história da China, logo ela voltará à liderança absoluta.

Concordo. Mas quem resgatou a milenar civilização chinesa do jugo do imperialismo (inclusive com as armas da crítica) foi o marxismo-leninismo e, adaptado, o maoísmo.
 

brender

Member
Registrado
China-Population-Compared-2-3.jpg
 

yurieu

Active Member
Registrado
Meh, não acho que para o país mais populoso do mundo, e que controle sua população como a China faz sob ordens do seu governo altamente democrático, seja de fato algo surpreendente que eles se tornem a maior economia mundial.
Na verdade é até de ficar surpreso que só agora eles conseguiram ultrapassar os EUA.

Eu particularmente não acho que a China seria um bom exemplo para o Brasil, mas definitivamente existem várias coisas que poderíamos aprender com eles para podermos evoluir como nação, coisas como:

- Investir na educação, essa que é uma característica uniforme dos países asiáticos e a principal razão pela qual a maior parte deles é bem sucedida.

- Investir em tecnologia, esse que é um ponto chave não só na qualidade de vida mas na produção industrial, evolução em áreas como medicina e etc.
É absurdo que nosso país invista tão pouco nisso.

- Investir na Indústria, esse é o mais óbvio de todos e é a raiz do erro do Brasil. Antes de dormir todas as noites eu pergunto a Deus o por quê raios meu país continua depois de 500 anos sendo um país focado em exportação, essa é simplesmente a burrice³.
Exportar para depois importar de novo? Hyper Stonks
9JwJdJl.png


E por aí vai..
-desinvestir na educação
-desinvestir na tecnologia
-desinvestir na indústria

Zerar TODOs os impostos

Já sabemos que transferir o fruto do trabalho ao Estado esperando ele nos dar algum retorno é um FRACASSO.
 

brender

Member
Registrado

rbatist

Member
Registrado
Já sabemos que transferir o fruto do trabalho ao Estado esperando ele nos dar algum retorno é um FRACASSO.
Engraçado ler essa afirmativa em um tópico cujo título é "A China já é a maior economia do mundo".

:haha:
 

Shin_akuma

New Member
Registrado
Engraçado ler essa afirmativa em um tópico cujo título é "A China já é a maior economia do mundo".

:haha:
Mostra que o cidadão não tem a menor ideia de como a economia da china funciona.

Mas pô 3 pagina e ninguém ainda deu parabéns pra china???

Parabéns aos colegas chineses.

Legal ver como primeira economia mundial ser conquistada no trabalho não saqueando outros países com guerras e golpes de estado, que o grande tirano vá a ruína.
 

brender

Member
Registrado
 

brender

Member
Registrado
1750504



1750530



1750534



1750539
 

brender

Member
Registrado
--- Post duplo é unido automaticamente: ---


E6sJhiDWYAUavji


E6sJkfnWQAIhJ29
 
Última edição:

Shin_akuma

New Member
Registrado
O Negocio é como podemos lucrar com esse novo grande player no mercado, o resto é coisa de bbk alienado de politica.

Nego despreza o próprio país e não tiras as bolas dos americanos da boca, herois da marvel nunca fizeram nada por vc não mané!

"Falo mal da china , mas compro na aliexpress", é o anarcocapitalista de condominio.

Mamãeeeeeeeeeeee !!!! não me deixam ser liberal na internet.
 

nando3d

Member
Registrado

thiagocatem

Member
Registrado

Atwa

Active Member
Registrado
Menos 100 pontos no Social Score.
E uma semana de reabilitação no campo de concentração 😂😂

Na china menos 100 pontos no "social score" perde qual direito :hmm:


Não pode mais usar transporte público, sistema de saúde... anda na calçada :fire:

Se fosse no Brasil o pessoal do "tópico de politica" não poderia nem "respirar o ar" tem tantos pontos negativos :risos:
 

nando3d

Member
Registrado
Na china menos 100 pontos no "social score" perde qual direito :hmm:


Não pode mais usar transporte público, sistema de saúde... anda na calçada :fire:

Se fosse no Brasil o pessoal do "tópico de politica" não poderia nem "respirar o ar" tem tantos pontos negativos :risos:

Bom, depende da pontuação atual. Como varia entre 350 e 950, perder 100 pontos é muita coisa.

 

Atwa

Active Member
Registrado

Usuários que está vendo este tópico

Topo