Criar um filho realmente ficou muito caro, ou nós que impusemos várias necessidades?

danillofc

New Member
Registrado
Antigamente era comum famílias com vários filhos, , uma vida simples quase que rural e só o homem trabalhando(não só no Brasil). É até comum ouvir pais e avós dizendo que era possível sustentar uma família e adquirir lotes e casas com pouco, se isso é verdade ou não, não sei, seria interessante discutir isso também.
Obviamente tudo era diferente na época, e hoje temos outros padrões e necessidades. Mas chegamos a um ponto que na maioria dos países que não são pobres, famílias tem um ou dois filhos no maximo, isso quando não tem pavor de ter alegando sempre custo alto, até mesmo nos países ricos que tem tudo garantido pelo Estado.
Aqui no Brasil criaram essa tabela mostrando que um filho de classe alta pode chegar a quase 3 milhões até os 23 anos, ou seja, quase 10000 por mês.

tabela_custo_filhos.jpg


Aí eu pergunto, vocês acham que tudo isso é realmente necessário? É necessário sustentar integralmente até os 23 anos, e fornecer tudo de bom e do melhor, de lazer, eletronicos, carro? Acham interessante enfiar num monte de curso quando criança? O que vocês acham que realmente agrega no bem estar, na cidadania e capacitação da criança/adolescente, que realmente vale a pena gastar o que puder? O que acham totalmente desnecessário?
 

EmersonSUB

Well-Known Member
Registrado
não é caro, os pais que decidem gastar mais, se comprar só feijão e arroz e deixar em escola pública e levar no SUS é barato.
 

[email protected]

New Member
Registrado
Qdo vc fala antigamente se refere a qdo?
Pq aq no fórum tem muitos que nasceram depois de 2000... O seu antigamente não é o mesmo dos outros users.

Em 1994 com 1mil reais vc comprava até grandes terrenos... Hoje 1mil vc só paga o valor do IPTU.
 

danillofc

New Member
Registrado
Qdo vc fala antigamente se refere a qdo?
Pq aq no fórum tem muitos que nasceram depois de 2000... O seu antigamente não é o mesmo dos outros users.

Em 1994 com 1mil reais vc comprava até grandes terrenos... Hoje 1mil vc só paga o valor do IPTU.
década de 70 e 80, talvez até antes. Se bem que nessa época o país era um fazendão, estava se industrializando, então parece natural que na época sobrava emprego. E só quem tinha carteira assinada tinha direito a saúde pública. A pobreza e analfabetismo eram muito piores que hoje.
--- Post duplo é unido automaticamente: ---

não é caro, os pais que decidem gastar mais, se comprar só feijão e arroz e deixar em escola pública e levar no SUS é barato.
isso é muito extremo, mas também já vi família gastando o que não tinha pra inscrever o catarrento em natação,artes marciais, inglês, escola bilingue, balé, desde criança sempre tendo um tablet ou celular,videogame, toda semana fast food e um presente no shopping e por aí vai.
 
Última edição:

[email protected]

New Member
Registrado
década de 70 e 80, talvez até antes. Se bem que nessa época o país era um fazendão, estava se industrializando, então parece natural que na época sobrava emprego. E só quem tinha carteira assinada tinha direito a saúde pública. A pobreza e analfabetismo eram muito piores que hoje.
--- Post duplo é unido automaticamente: ---


isso é muito extremo, mas também já vi família gastando o que não tinha pra inscrever o catarrento em natação,artes marciais, inglês, escola bilingue, balé, desde criança sempre tendo um tablet ou celular,videogame, toda semana fast food e um presente no shopping e por aí vai.
Se for levar em conta anos 70 e 80... Criar vários filhos, com qualidade de vida (alimentação e educação) era muito mais barato. O ensino nas escolas públicas eram melhores, alimentar-se com qualidade ( verduras e frutas) era muito mais barato.

Meus avós foram tudo de agricultura familiar pequena e sustentavam 4 filhos, nunca faltou comida no prato. Tenta colocar comida no prato pra 4 filhos hoje.... Hoje a molecada quer smartphone, plano de celular, vídeo game, PC, internet, cadeira gamer, ostentar com vestuário... Issobtudo não existia nos anos 70. Antigamente, vc dava uma bola de futebol ou uma pipa, os olhos da criança já brilhavam...
 

Silvers Rayleigh

What the Hell Have I
Registrado
Se for pra ter filho e tratar o moleque no SUS e matricular em escola pública é melhor nem ter filho, vai botar pra sofrer a toa.
 

danillofc

New Member
Registrado
Se for pra ter filho e tratar o moleque no SUS e matricular em escola pública é melhor nem ter filho, vai botar pra sofrer a toa.
Concordo em partes, porque tem cidades no Brasil com boa educação e saúde, o país é imenso demais pra generalizar.
--- Post duplo é unido automaticamente: ---

Se for levar em conta anos 70 e 80... Criar vários filhos, com qualidade de vida (alimentação e educação) era muito mais barato. O ensino nas escolas públicas eram melhores, alimentar-se com qualidade ( verduras e frutas) era muito mais barato.

Meus avós foram tudo de agricultura familiar pequena e sustentavam 4 filhos, nunca faltou comida no prato. Tenta colocar comida no prato pra 4 filhos hoje.... Hoje a molecada quer smartphone, plano de celular, vídeo game, PC, internet, cadeira gamer, ostentar com vestuário... Issobtudo não existia nos anos 70. Antigamente, vc dava uma bola de futebol ou uma pipa, os olhos da criança já brilhavam...
Era mais barato mas o padrao de vida era muito simples, viagem nem pensar, saúde era na sorte, qualquer um com ensino médio arranjava emprego. Muita coisa melhorou desde então, mas acho um delírio completo da classe média/alta certos gastos.
 

Sir_Heisenberg

New Member
Registrado
Antigamente não pensavam em dar muito luxo e oportunidades pros filhos poderem chegar mais longe. Meus pais trabalharam desde cedo, se viraram pra pagar faculdade, arranjar emprego bom, comprar casa, carro, etc.
Pra mim e pro meu irmão sempre deixaram claro o valor do dinheiro, pra gente não ser desnecessariamente mimado. E também sempre disseram que trabalharam duro pra nos dar as oportunidades que eles não tiveram. Então minha ideia é essa, poder fornecer aos meus filhos, no mínimo, o mesmo que eu tive. Embora eu queira poder proporcionar mais.
Minha namorada é bem pé no chão com isso e pensa igual. Teremos no máximo 2 filhos, pra poder proporcionar boa educação, saúde, lazer e certas experiências como um intercâmbio por exemplo.
Se for pra colocar no mundo e não poder proporcionar o que eu tive, prefiro não ter filhos.
 

EmersonSUB

Well-Known Member
Registrado
Se for pra ter filho e tratar o moleque no SUS e matricular em escola pública é melhor nem ter filho, vai botar pra sofrer a toa.
eu sofri mais em escola particular do que na pública, na particular o bullyng e violência era extremo e os moleques se achavam donos do mundo, tinha rodinha da porrada praticamente todo dia, quando meus pais me mudaram pra pública na sétima série pensei que seria pior mas o pessoal era muito mais humilde, bem mais tranquilo, nunca houve uma briga nos 2 anos que fiquei naquela escola. E tinha colegas com pais bem de vida nessa mesma escola pública e que se deram muito bem no futuro.

Tem vários níveis de qualidade de escola pública o Colégio Estadual do Paraná em Curitiba por exemplo é excelente, o pessoal realmente rico ia pra lá, até governadores e escritores famosos estudaram lá.
 

Fox666

New Member
Registrado
eu sofri mais em escola particular do que na pública, na particular o bullyng e violência era extremo e os moleques se achavam donos do mundo, tinha rodinha da porrada praticamente todo dia, quando meus pais me mudaram pra pública na sétima série pensei que seria pior mas o pessoal era muito mais humilde, bem mais tranquilo, nunca houve uma briga nos 2 anos que fiquei naquela escola. E tinha colegas com pais bem de vida nessa mesma escola pública e que se deram muito bem no futuro.

Tem vários níveis de qualidade de escola pública o Colégio Estadual do Paraná em Curitiba por exemplo é excelente, o pessoal realmente rico ia pra lá, até governadores e escritores famosos estudaram lá.
Eu estudei em 4 escolas

Na minha experiência pessoal, as instituições pequenas (alunos e dinheiro) eram infinitamente melhores

Nas escolas grandes, o aluno é só mais uma cabeça de gado, eles só querem saber da mensalidade e o aluno pode se foder

Além de que os alunos se odiavam por algum motivo
 

Shin_akuma

New Member
Registrado
Se for pra ter filho e tratar o moleque no SUS e matricular em escola pública é melhor nem ter filho, vai botar pra sofrer a toa.
O país tá cheio de empresa fazendo serviço pior que o estado,já começa na mão de obra muito menos qualificada, empregada por QI.

Vc é muito melhor atendido no sus em algumas unidades do que em alguns hospitais particulares, assim tb como tem escola publica que são muito boas.
Cheio de medico/cirurgião plástico/dentista picareta por ai, pagar e nem mesmo pagar caro garante nada hoje em dia.

Só que sei que no sus vc vai com um problema, se consegue ser atendido, resolvem, talvez não na melhor solução do mundo, mas resolvem, agora o que tem de nego sendo enrolado por dentista em tratamentos eternos, já li gente que ficou 10 anos com aparelho.

Essa vidinha de fazer tudo no particular tá cada vez mais com os dias contados, com o empobrecimento geral da classe média.
 

Fox666

New Member
Registrado
Se for pra ter filho e tratar o moleque no SUS e matricular em escola pública é melhor nem ter filho, vai botar pra sofrer a toa.
Se for para evitar sofrimento, é melhor não colocar na escola

Recomendo perguntar para pessoas que estudaram em escolas pública ou particular em qual sofreram menos

Ao invés de simplesmente presumir que escola particular é melhor porque custa mais caro
 

EmersonSUB

Well-Known Member
Registrado
Se for para evitar sofrimento, é melhor não colocar na escola

Recomendo perguntar para pessoas que estudaram em escolas pública ou particular em qual sofreram menos

Ao invés de simplesmente presumir que escola particular é melhor porque custa mais caro
pois é, o cara pode sofrer menos na vida adulta se realmente aproveitar o ensino da particular mas no momento que é criança será um inferno, se não tiver o tênis da moda, a mochila de marca e tudo de mais novo que lançar será o pobre da sala, viverá sofrendo bullyng. Particular é tenso.
 

Fox666

New Member
Registrado
pois é, o cara pode sofrer menos na vida adulta se realmente aproveitar o ensino da particular mas no momento que é criança será um inferno, se não tiver o tênis da moda, a mochila de marca e tudo de mais novo que lançar será o pobre da sala, viverá sofrendo bullyng. Particular é tenso.
Eu acho o ensino das escolas supervalorizado

Dificilmente vai fazer qualquer diferença na vida profissional da pessoa

A dano psicológico vai pesar muito mais
 

JohannesBR

Active Member
Registrado
Essa questão de escola ser pública e privada varia muito em cada cidade e estado. Aqui deve dar pra contar nos dedos de uma mão quantas escolas públicas são realmente boas em vários aspectos, incluindo estrutura e qualidade do ensino e duas delas são militares. No entanto, aqui também tem muita escola particular ruim e problemática, inclusive com problemas de drogas. É dever dos pais procurarem o melhor local possível e não simplesmente largar em uma ou outra por conceitos preestabelecidos.

Sobre cuidar de filho ser caro, sim, lógico que é. Pra dar o mínimo necessário de conforto, saúde, lazer e educação de qualidade não custa nada barato.

Já fazer filho e jogar no mundo sem atentar pra nada disso ou sem ter nem pra comer, é bem barato. O resultado pra sociedade é que sempre sai caro.
 

danillofc

New Member
Registrado
Eu acho o ensino das escolas supervalorizado

Dificilmente vai fazer qualquer diferença na vida profissional da pessoa

A dano psicológico vai pesar muito mais
Eu também acho,as únicas que se salvam são aquelas que ensinam robótica,sao bilingues,ensinam soft skills, empreendedorismo e por aí vai, e mesmo assim pode ser que seja apenas marketing. Aliás acho que a maior parte da educação privada é mais marketing e segregação de classe do que ensino e preparação pra vida.
--- Post duplo é unido automaticamente: ---

Essa questão de escola ser pública e privada varia muito em cada cidade e estado. Aqui deve dar pra contar nos dedos de uma mão quantas escolas públicas são realmente boas em vários aspectos, incluindo estrutura e qualidade do ensino e duas delas são militares. No entanto, aqui também tem muita escola particular ruim e problemática, inclusive com problemas de drogas. É dever dos pais procurarem o melhor local possível e não simplesmente largar em uma ou outra por conceitos preestabelecidos.

Sobre cuidar de filho ser caro, sim, lógico que é. Pra dar o mínimo necessário de conforto, saúde, lazer e educação de qualidade não custa nada barato.

Já fazer filho e jogar no mundo sem atentar pra nada disso ou sem ter nem pra comer, é bem barato. O resultado pra sociedade é que sempre sai caro.
Poderia ser mais objetivo sobre o que você acha o mínimo necessário? E quanto mais ou menos isso custaria?
 

JohannesBR

Active Member
Registrado
Eu também acho,as únicas que se salvam são aquelas que ensinam robótica,sao bilingues,ensinam soft skills, empreendedorismo e por aí vai, e mesmo assim pode ser que seja apenas marketing. Aliás acho que a maior parte da educação privada é mais marketing e segregação de classe do que ensino e preparação pra vida.
--- Post duplo é unido automaticamente: ---


Poderia ser mais objetivo sobre o que você acha o mínimo necessário? E quanto mais ou menos isso custaria?

Você mesmo já colou um quadro ali, não tem como ser mais específico porque o que é o mínimo / máximo pra uma família pode não ser pra outra.
 

Silvers Rayleigh

What the Hell Have I
Registrado
Recomendo perguntar para pessoas que estudaram em escolas pública ou particular em qual sofreram menos

Ao invés de simplesmente presumir que escola particular é melhor porque custa mais caro
Estudei em ambas. Parte do fundamental em Particular e o resto foi em públicas

Tanto ensino, quanto estrutura são um mundo de diferença.

Além de que na época em que estudei em colégio particular não tenho lembranças de PM entrando dentro do colégio pra buscar colega de classe que estava armado e com a mochila cheia de drogas
:vish:
 

Lightman

Well-Known Member
Registrado
Antigamente era comum famílias com vários filhos...
Em média eram 6, sabe quantos em média chegavam a vida adulta? 2 ou 3.

Morriam de doenças infecciosas. de falta de higiene e alimentação de péssima qualidade, os pais davam a melhor qualidade de vida a seu alcance mas como esse alcance era muito pequeno isso resultava em mortes jovens, hoje quase todo mundo consegue prover uma vida melhor no básico (vacinação, alfabetização e alimentação).

Não é que necessidades maiores foram impostas mas suprir essas necessidades sempre será mais caro que não suprir.
--- Post duplo é unido automaticamente: ---

Se for para evitar sofrimento, é melhor não colocar na escola

Recomendo perguntar para pessoas que estudaram em escolas pública ou particular em qual sofreram menos

Ao invés de simplesmente presumir que escola particular é melhor porque custa mais caro
Sem querer mudar o tópico para política mas a escola particular é melhor porque a pública foi arruinada por ideologia política e método Paulo Freire de "educação", sendo assim, qualquer escola particular meia-boca que faça o arroz-com-feijão do ensino será melhor que o lixo que as escolas públicas no Brasil (com algumas exceções louváveis) se tornaram.
 

Maurivillas

Fed up!
Administrador
Aí eu pergunto, vocês acham que tudo isso é realmente necessário? É necessário sustentar integralmente até os 23 anos, e fornecer tudo de bom e do melhor, de lazer, eletronicos, carro? Acham interessante enfiar num monte de curso quando criança? O que vocês acham que realmente agrega no bem estar, na cidadania e capacitação da criança/adolescente, que realmente vale a pena gastar o que puder? O que acham totalmente desnecessário?
Aí eu pergunto, quantos filhos você tem?
 

Usuários que está vendo este tópico

Topo