Fumar maconha é seu direito

rlopes

Active Member
Registrado
Quanta ignorância, como as pessoas se deixam manipular pela mídia, nem com todos os argumentos do mundo, com a verdade diante dos olhos, o pessoal não consegue se tocar que proibir não é a solução para o problema.

Ao invés de apresentarem argumentos contrários, fundamentados é claro, as pessoas preferem apelar para o preconceito.


(2)


Não seu pra que tanto wall of text, a verdade cabe em duas linhas :yes:
 

Darth Caedus

All I Do is Win !
Registrado
Pior é que ta virando modinha nego usar maconha .Menor que usa maconha é tudo problemático ...Pena que a policia nao possa meter a mao na cara desses ai.Menor nao deve nem beber , quanto mais se drogar .
 

Alphaville

New Member
Registrado
Eu não entendo o argumento do legalizar a maconha, acaba com o tráfico.

Ao mesmo tempo que há o argumento de que maconha não sustenta tráfico, que é apenas uma parcela muito pequena do tráfico.

Pera aí, então se é uma parcela pequena (isso dito por vocês em diversos tópicos), como é que legalizando, vai acabar com o tráfico?

De qualquer jeito, mesmo que maconha não seja 100% responsável no tráfico, seja 1%, ainda é 1% que é causa para a consequência inúmeras que não preciso nem citar.

Aí vem o fridon dizer: eu não tenho escolha.

Na verdade a Maconha é a que mais sustenta qualquer traficante, porque? Pq o pessoal pensa, maconha não vicia tanto quanto o Crack ou Cocaina, é coisa leve, é algo que pobre ou rico usa, é a mais barata de se comprar, acho que legalizar é algo a se pensar sim, mas é algo pra daqui a muitos anos, Amsterdã é liberado, mas pq? é País que tem educação, é um país evoluído, não se compara Brasil ou EUA.
 

Dino

A whim away, a whim away
Registrado
Falei e repito: com a regulamentação, o tráfico DA MACONHA acaba. Foi assim com Al Capone e o álcool nos EUA.

Não existe a tal da cerveja pirata, existe? Ou o vinho pirata?

Não existe porque o governo criou mecanismos que obrigam tais produtos passarem por uma bateria de testes até estarem disponíveis ao consumidor final. Fora os impostos.

Mas, porque eu acho que não dará certo?
Vocês acham que o tráfico vai aceitar perder esse dinheiro? Al Capone seria dizimado em qualquer favela do Rio de Janeiro hoje em dia.

O tráfico vai cobrar a conta. Seja angariando usuários para outros entorpecentes.

Quem vai comprar a maconha legalizada? 10% a 15% dos usuários brasileiros. Justamente quem planta, quem não precisa ficar em beco, e por aí vai. O que é a minoria.
 

Daemon

Active Member
Registrado
Droga mais vendida no brasil eh maconha, TONELADAS SEMPRE SÃO APREENDIDAS.

Com a legalização ngm vai querer pegar droga prensada cheia de amônia e coisas misturadas, pessoal vai planta a sua e pronto.

Governo podia fabricar e vender em farmácia pra quem não sabe cultivar, geraria impostos e etc.
Eh soh fazer as coisas detalhadas.
 

ruterjunior

JR
Registrado
Me desculpe, mas discordo. Liberar a maconha acabaria com o tráfico de maconha sim. Claro que as outras drogas continuariam sendo traficadas.

E maconha não causa mal nenhum a saúde, pelo contrário. Exceto é claro se consumida em excesso, mas ai, até água faz mal.

Ninguém trafica beringela nem tomate, simplesmente porque não compensa. A maconha pode ser plantada em qualquer vaso, numa grande fazenda, no fundo do quintal ou na minúscula área de serviço de uma quitinete da periferia. Maconha não é droga, é planta, está na natureza muito antes do homem existir. Povos de muitas culturas já usaram, e aqui no Brasil foi usada por muitos séculos antes de ser proibida por alguma lei imbecil feita por imbecis para imbecis, algumas décadas atrás.

Não há ninguém entre os que defendem a liberalização da maconha que defenda o maconheiro irresponsável que possa agir contra outrem sob efeitos da droga. No entanto todos sabem que ninguém fica violento com o uso da maconha. As mesmas leis que se aplicam ao alcool poderiam ser aplicadas a maconha sem o menor problema, como em relação a idade e a dirigir.

Outra coisa errada é taxar quem usa maconha de maconheiro. Maconheiro é um termo pejorativo, assim como alcoolatra. Muitos usam alcool, poucos são alcoolatras. Idem em relação a maconha.

Outro erro é dizer que usa maconha quem tem a mente fraca ou que a maconha enfraquece a mente. Mentira. Mente fraca tem quem acredita em pastor, em políticos populistas ou que simplesmente segue a onda sem se importar em se inteirar dos fatos reais. E o que enfraquece a mente não é a maconha, mas a falta de uso do cérebro, coisa que aqui nesse forum percebe-se ser bem comum (não parece ser teu caso).

na holanda não acabou com o trafico!

“O objetivo da descriminalização da maconha era diminuir o consumo de drogas pesadas. Supunham os holandeses que a compra aberta tornaria desnecessário recorrer ao traficante, que em geral acaba por oferecer outras drogas. (...) O problema é que Amsterdã, com seus coffee shops,atrai ‘turistas da droga’ dispostos a consumir de tudo, não apenas maconha. Isso fez proliferar o narcotráfico nas ruas do bairro boêmio. O preço da cocaína, da heroína e do ecstasy na capital holandesa está entre os mais baixos da Europa”.

o comercio ilegal de bebidas alcoólicas e de cigarros no país ainda é alto! liberar a maconha não garante que o trafico acabe, nem afetaria as vendas da maconha! já que muitos ainda vão preferir comprar na mão dos traficantes quantidades maiores por preços menores do que os possíveis praticados no mercado, haja visto que esses sim teriam a incidência de juros encarecendo o produto!

a titulo do que ocorre na holanda... no brasil seria sob esta perspectiva.
não se iludam, ao ver políticos defendendo a descriminalização, eles só tem um único desejo! Lucrar na produção e na venda deste novo ''produto''. não pensam no outro lado da moeda... o usuário. maconha é caracterizada uma droga pois vicia e provoca dependência psicológica. onde se tem pensado nos contras? nas ações de amparo aos usuários desta droga? até onde incidiria essa margem no sistema de saúde? onde se enquadraria mortes por câncer, enfisema e edema pulmonar, bronquite, pneumonia, hipertensão arterial, infarto. tem que se fazer um apanhado de informativos a fim de encontrar um consenso no geral dos bens e malefícios desta liberação!


Outro ponto focado pelos especialistas é o da economia movida pelo consumo de maconha. O turismo da maconha contribui significativamente para o enriquecimento da Holanda: afeta o PIB holandês. Negócios paralelos se potencializaram, como locação de filmes (o consumidor de maconha prefere ficar em casa), venda de alimentos (a maconha aumenta o apetite), fabrico de papel gomado para a confecção do cigarro de maconha alem de inúmeros outros produtos além do cigarro de maconha. Seu caule e galhos lenhosos prestam-se à fabricação de roupas e sapatos. Certo deputado verde propôs a confecção desses vestuários com a fibra da marijuana. Com baixos teores de THC, a Adidas lançou nos EUA um tênis reciclável feito de fibras da Cannabis. Sugestivamente deu-lhe o nome de Chronic, gíria americana que designa o fumante de maconha. A Sharon’s Finest, companhia de comida natural da Califórnia, lançou o Hemp Rella, queijo à base de sementes de maconha. Cosméticos, detergentes e papéis podem ser gerados a partir da planta. Bem se vêem as múltiplas propriedades da planta que vai muito além da alucinógena e terapêutica. Mas se ficarmos somente na questão da droga veremos que ela se relaciona intimamente com outra questão que também opõe idéias: a questão econômica.

maconha é planta... mas a papoula também é... voltando a falar sobre os tomates... Na Bahia, um hectare de maconha dá lucro 45 vezes
maior que o de tomate e 200 vezes mais que o de feijão. talvez por isso ninguém queira traficar tomates e feijões! rsrsrs... brincadeira...

mente fraca seria quem se torna dependente de algo então?

mais uma vez, não quero polemizar., não sou contra nem a favor. Enquanto não se chegar a um consenso sobre tudo que engloba a liberação(politica, social, medicinal e comercial).
 
Última edição:

tiago22

New Member
Registrado
acredito que se a maconha for liberada vai ficar uma bagunça nosso pais pq as pessoas vão fumar em qualquer lugar !!
a prova é o cigarro , veja que eles fumam em qualquer lugar ate dentro de lugares fechados !!
por mim isso deveria nem existir !!!
 

ruterjunior

JR
Registrado
acredito que se a maconha for liberada vai ficar uma bagunça nosso pais pq as pessoas vão fumar em qualquer lugar !!
a prova é o cigarro , veja que eles fumam em qualquer lugar ate dentro de lugares fechados !!
por mim isso deveria nem existir !!!

aquela velha historia... o direito de um acaba quando começa o de outro! mas acredite, nessa briga isso é o menor dos contrapontos a ser avaliado! :awesome:
 

FrindoN

Banido
Banido
Legalizar? Acho que não é o caminho certo...
Regulamentar seria o ideal.
Seguir o caminho da Espanha, por exemplo, que e permitido plantar até 3 pés de Cannabis sem ser preso confundido com traficante.
Ou até mesmo poderia fazer como na Califórnia, onde tem os 'centros' que fornecem somente para maiores de 18 anos cadastrados e uma certa quantia diária/mensal.

Na minha opinião, o que funcionaria, seria o sistema da Espanha. Pois você estando ciente que para ter o seu fumo com uma boa qualidade, sabendo a origem, e só plantar em qualquer canto com terra, não mais dependerá do traficante, que é óbvio, não está preocupado com a qualidade.

Uma coisa que eu gostaria de deixar bem claro: Dizem que a Maconha é a porta de entrada para outras drogas mais pesadas. Óbvio que ela é. A partir do momento, que o usuário tem contato com o traficante, o traficante tem a possibilidade de lhe oferecer outras drogas com argumentos infinitos. É como entrar em uma loja de roupas: Você compra o que quer, mas os vendedores te 'empurram' outras roupas, porque eles precisam ter uma meta, precisam vender, lucrar. Se tirarmos pelo menos a Maconha da mão dos traficantes, as pessoas (principalmente os jovens) não terão mais contato com o traficante, sendo assim, não terão contato com drogas mais pesadas.

As pessoas precisam parar com esse discurso demagogo de que a Maconha é um demônio, de parar de pensar só no seu rabo, e olhar para a SOCIEDADE.

Denis Russo bem diz em seu livro*: Drogas é um problema de SAÚDE e não de JUSTIÇA. Pois o médico sabe o que conversar com o paciente 'doente', tem tempo para ouvi-lo e saber de seus problemas e tentar ajudá-lo. O Juiz não tem tempo para conversa, não tem conhecimento medicinal, não pode ajudar um usuário. O máximo que ele pode fazer é aplicar a lei e mandar o sujeito para a cadeia, onde sem dúvidas, terá contato bem mais fácil com outras drogas.

Chega de ceticismo. Chega de dizer que nada no Brasil funciona. Precisamos de um debate sério baseado em experiências com usuários e cientistas. Não precisamos de moralistas pregando o que acham.

-

*O Fim da Guerra: A Maconha e a criação de um novo sistema para lidar com as drogas
Leia. Informe-se.
 

M0Z4R7.3D

Banido
Banido
E falando sobre regulamentação, farmácias, etc. por exemplo, o Ginseng, eu comprava em lojas de produtos naturais e tal, de repente ficou 'proibido', só em farmácias/ drogarias, então fui ver em uma farmácia...
fuuu.gif
a mesma caixinha de ginseng estava o triplo do preço.

Podes crer que se acaso regulamentarem, um baseado que sai aí por 5 ou 10 reais vai custar de 90 a 300 reais....
sefudeu.png


Engraçado que a pinga, ninguém se mete a dizer que o uso 'excessivo' causa câncer em todo sistema digestivo, nem que ela causa dependência química, nem proibem a venda dessa droga em bares, por que enfiam o rabinho entre as pernas ao invés de dizer que só podem comprar pinga em doses homeopáticas, fitoterápicas, picas, picas, picas a 500 reais a dose e somente em farmácias e drogarias?
hmm.png


E o cigarro? e suas 4700 substâncias tóxicas, radioativas, venenos, e duas substâncias altamente cancerígenas? por que não é proibido? mas um suquinho de aloe vera...eles são grandão pra proibição....
challenge.png


Estou fazendo essa crítica, não por ser 'maconheiro' ou algo assim, mas porque por exemplo, eu passei um ano ou mais com gastrite e tomando os antiácidos, tipo dióxido de alumínio, ou um nome semelhante, gel de não sei o que, e nada...acordava de madrugada com o estômago em chamas, uma dra me disse que era um passo pra um cancer de estômago, de repente passando em um supermercado, que tinha produtos orientais e importados, encontrei o suco de aloe vera, comprei duas garrafinhas (sabia sobre o suplemento e suas funcionalidades para gente com úlcera, mas não encontrava), tomei as garrafinhas e pensando que aliviaria...a surpresa foi que regenerou, eu não preciso mais de antiácido, a 'mucosa' que provávelmente estava comprometida se refez!!! o estômago tem uma mucosa tipo o lado interno da boca, bochecha, quando essa mucosa se compromete o próprio ácido estomacal o faz mal, e o suquinho em uma semana me curou de um problema que se arrastava a anos!

Transportando isso pra tal da marijuana, a farmacia/ drogaria, passa medicamentos controlados, tipo calmantes, ansiolíticos, etc. que ferram os caras que tomam essas 'porcarias', os nervos dessas pessoas vai pro espaço, vira geleia de mocotó...então? então eles precisarão desses medicamentos a vida toda que perde sua qualidade e tudo...no entanto, talvez a tal erva além de recreativa tivesse propriedades muito melhores e menos agressivas, que não causassem dependência química e nem destroissem o SNC, mas qual interesse deles? adivinha...
 
Última edição:

Lost4Ever

Active Member
Registrado
Ninguém planta um tomate ou pepino para para por em salada, por que iria cultivar maconha em casa para fumar sozinho?

Aqui no Brasil, mesmo proibindo muita gente não respeita, imagina se tentar regulamentar?

O que a sociedade ganha com a regulamentação da maconha ou liberação? Nem adianta falar que imposto, pois isto vai ser um porção muito pequena do montão que é arrecadado e a gente quase não vê retorno para a sociedade.

Do mesmo jeito que dizem que "tenho certeza que o trafico acaba" Eu também posso dizer que tenho certeza que não. Tudo suposição.

Quem vai adorar vai ser nossos vizinhos do Mercosul com a liberação da Maconha.

Quem vai se ferrar é quem não fuma e agora vai virar maconheiro passivo.
 

M0Z4R7.3D

Banido
Banido
Ninguém planta um tomate ou pepino para para por em salada, por que iria cultivar maconha em casa para fumar sozinho?

Aqui no Brasil, mesmo proibindo muita gente não respeita, imagina se tentar regulamentar?

O que a sociedade ganha com a regulamentação da maconha ou liberação? Nem adianta falar que imposto, pois isto vai ser um porção muito pequena do montão que é arrecadado e a gente quase não vê retorno para a sociedade.

Do mesmo jeito que dizem que "tenho certeza que o trafico acaba" Eu também posso dizer que tenho certeza que não. Tudo suposição.

Quem vai adorar vai ser nossos vizinhos do Mercosul com a liberação da Maconha.

Quem vai se ferrar é quem não fuma e agora vai virar maconheiro passivo.

Desculpe, mas vc está enganado, tem diversas pessoas que tem hortas em suas varandas, quintais, etc. plantam e colhem em um tipo de horti-fruti organico, mas isso não vem ao caso neste topico.

O que a sociedade ganharia? eu dou um exemplo, de leigo, mas que embora esteja usando Senso Comum, é um senso comum quase científico porque é a observação 'popular' que vem de milhares de anos, mas realmente não é Conhecimento Científico...nas a tal erva é originária da China por exemplo, que é milenar e cruzou o mundo, sem histórias crueis como do álcool, cigarros, cocaína, etc.
lol2.png
mas indo direto ao assunto, um grave problema atual são os dependentes químicos, tanto alcoolatras quanto nóias fumadores de crack, assim também com os tabagistas que dependem do cigarro e não conseguem se livrar, em São Paulo por exemplo tem quarteirões de zumbis no centro que 'vivem' pelo crack...isso é o que de pior está acontecendo, assim como gente fadada a morrer de doenças causadas pelo cigarro e outras vitimadas por usuários severos do álcool.

Qual funcionalidade a maconha teria para essa gente?

Ao invés de ministrar drogas ainda mais pesadas como as citadas 'faixas pretas', essa gente poderia fumar a erva porque ela ajuda a minimizar, senão for o caso de livrar totalmente da síndrome de abstinência, digo isso dos jovens e adultos que não tiverem preconceitos e enxergarem a droga não sob uma perspectiva moralista ou social, e sim como uma droga com um princípio ativo...

Ela pode livrar os dependentes químicos do vício ajudando a superar a síndrome de abstinência e a tal da 'fissura', porém, vc vai assistir sucessivos fracassos do Governo para livrar essa gente toda do tais vícios, exatamente porque insistirão em fortes drogas que chamam de calmantes, ansiolíticos, etc. que são muito piores do que imaginam em suas vãs filosofias!

Se limpassemos o mundo do consumo de crack e cigarros e deixassemos o uso terapêutico do álcool esse mundo seria muito melhor de se habitar, com gente muito mais feliz, e por não causar dependência em sua forma 'natural', os usuários podem abandonar ela mesma após se livrarem de seus vícios que os escravizam, porém, se regulamentar, podem fazer uso moderado, tipo o álcool que também não precisa ser proibido.
 
Última edição:

[{Goku}]

Member
Registrado
Aqueles que acham que o a legalização vai acabar ou diminuir com o tráfico só podem ser estúpidos, ou, já estão afetados de tanto fumar maconha.

A vida de um traficante vai ser muito mais fácil, para transportar, distribuir se for legalizada. Enquanto que os "fabricantes" legalizados vão ter uma alta carga de imposto.

Daí o maconheiro, vai pensar: "Pago 2x1 com o trafica, ou 10x1 com o legal. Porra mas a diferença é 5 bazucas, vou pegar 2x1 mesmo".

Tenho um monte de amigo, empacado na vida, pois fumam essa ***** todo dia. Os cara não evoluem, alguns até ficam mais lerdos.

Sem falar que, de fato, é a porta de entrada para outros vícios mais degenerativos. Os estudos com viciados em crack/cocaína mostram que começaram com cigarro, bebida e maconha.

[]s
 

FrindoN

Banido
Banido
E falando sobre regulamentação, farmácias, etc. por exemplo, o Ginseng, eu comprava em lojas de produtos naturais e tal, de repente ficou 'proibido', só em farmácias/ drogarias, então fui ver em uma farmácia...http://adrenaline.uol.com.br/forum/images/smilies/fuuu.gif a mesma caixinha de ginseng estava o triplo do preço.

Podes crer que se acaso regulamentarem, um baseado que sai aí por 5 ou 10 reais vai custar de 90 a 300 reais....http://adrenaline.uol.com.br/forum/images/smilies/sefudeu.png

Mas não mesmo!
Regulamentar não é legalizar. Se legalizar qualquer indústria terá o poderio de fazer plantação em massa. E isso acarretaria em um produto de baixa qualidade.

Regulamentar, como eu disse, é deixar o usuário plantar a sua erva. No máximo, como eu disse, fazer centros especializados (como na califórnia) onde o usuário maior de 18 anos cadastrado possa pegar uma quantia máxima de 50g por mês. Dá certo lá. Pode dar aqui.


Ninguém planta um tomate ou pepino para para por em salada, por que iria cultivar maconha em casa para fumar sozinho?

Aqui no Brasil, mesmo proibindo muita gente não respeita, imagina se tentar regulamentar?

O que a sociedade ganha com a regulamentação da maconha ou liberação? Nem adianta falar que imposto, pois isto vai ser um porção muito pequena do montão que é arrecadado e a gente quase não vê retorno para a sociedade.

Do mesmo jeito que dizem que "tenho certeza que o trafico acaba" Eu também posso dizer que tenho certeza que não. Tudo suposição.

Quem vai adorar vai ser nossos vizinhos do Mercosul com a liberação da Maconha.

Quem vai se ferrar é quem não fuma e agora vai virar maconheiro passivo.
Tenho exemplo de amigos que plantam em casa para consumo próprio. Para você 'traficar' a maconha, terá que plantar em uma fazenda, sítio, algo em grande escala.

Não respeitamos a proibição porque está escancarado que foi um erro seguir o caminho dos EUA.
Lhe pergunto: Você é a favor de todas as regras que o governo impõe a você? Eu não...

A sociedade ganharia muito. Uma delas é que seria enfraquecido o poder dos traficantes. (Se eu posso plantar uma maconha de boa qualidade, não tem o porquê eu comprar maconha de baixa qualidade. E, o que na minha opinião seria o principal, a sociedade ganharia MUITO com a extração dos benefícios medicinais que ela proporciona. Pacientes que fazem quimioterapia, por exemplo, terão os danos colaterais da terapia reduzidos a quase zero. Pacientes de soropositivo por exemplo, que não tem disposição para comer, conseguirá se alimentar normalmente. No livro que eu insisto em citar (O FIM DA GUERRA) o autor Denis Russo vai aos EUA, Europa e África conhecer pessoas com doenças crônicas que tem dores insuportáveis que usam a Cannabis para amenizar as dores. E não é só jovem não. Muitos senhores/senhoras fazem uso da Cannabis com esse fim.

Costumo usar essa imagem para um melhor entendimento dos benefícios que podem ser extraídos da erva:
310435_154538701309702_100002607194863_256428_660960361_n.jpg
 

M0Z4R7.3D

Banido
Banido
[{Goku}];1065610825 disse:
Aqueles que acham que o a legalização vai acabar ou diminuir com o tráfico só podem ser estúpidos, ou, já estão afetados de tanto fumar maconha.

A vida de um traficante vai ser muito mais fácil, para transportar, distribuir se for legalizada. Enquanto que os "fabricantes" legalizados vão ter uma alta carga de imposto.

Daí o maconheiro, vai pensar: "Pago 2x1 com o trafica, ou 10x1 com o legal. Porra mas a diferença é 5 bazucas, vou pegar 2x1 mesmo".

Tenho um monte de amigo, empacado na vida, pois fumam essa ***** todo dia. Os cara não evoluem, alguns até ficam mais lerdos.

Sem falar que, de fato, é a porta de entrada para outros vícios mais degenerativos. Os estudos com viciados em crack/cocaína mostram que começaram com cigarro, bebida e maconha.

[]s
Ok, mas isso eu observo sob uma outra otica, a de demanda e mercado, lembrando que o tráfico é o 'trabalho' dos que vendem drogas, a maconha é uma droga que 'cheira' longe, que faz volume e que é consumida lentamente, além de ser relativamente barata...vamos colocar aí algum preço, tipo déz reáus...e o cara passa dias consumindo, no final tem uma leve irritação por terminar mas não tem abstinência, caso não tenha dinheiro deixa pra lá.

ok? veja agora o que ocorre...o traficante tem uma outra, a cocaína que o grama é mais caro do que o grama de ouro (à medida de sua pureza, quanto mais pura mais cara), só que o efeito é rápido em relação à outra, e a fissura imediata, incontrolável e a dependência química é fatal.
Então dez reaus é uma grama por exemplo, que dura, horas e não dias! e a fissura garante o que? a fidelidade e transformação do usuário em freguês permanente, vai roubar, matar, se prostituir, fazer o que puder para conseguir mais, e cada vez precisar de doses maiores, na próxima serão 2 gramas, depois de alguns meses estará usando mais de 3 gramas, no final pode consumir até '15 gramas diários' como tem relatos na literatura clínica, 15 x 10 reaus = 150 reais por dia, tem que ser um ricaço ou um ladrão contumaz a essa altura...logico que antes a casa cai, mas aí entram os problemas sociais causados por ela, mas para o 'vendedor' é um estrondoso sucesso.

Quem não fica atrás são o crack que dura minutos o efeito e a fissura é ainda maior, o cigarro que também faz o viciado emendar um no outro, e a bebida que socialmente é aceita e costuma ser veículo para as outras, forma moleculas novas quando associada e aumenta a absorção das mesmas no organismo, vejam o lula que pegou cancer na garganta por associar álcool e tabagismo.



Mas não mesmo!
Regulamentar não é legalizar. Se legalizar qualquer indústria terá o poderio de fazer plantação em massa. E isso acarretaria em um produto de baixa qualidade.

Regulamentar, como eu disse, é deixar o usuário plantar a sua erva. No máximo, como eu disse, fazer centros especializados (como na califórnia) onde o usuário maior de 18 anos cadastrado possa pegar uma quantia máxima de 50g por mês. Dá certo lá. Pode dar aqui.



Tenho exemplo de amigos que plantam em casa para consumo próprio. Para você 'traficar' a maconha, terá que plantar em uma fazenda, sítio, algo em grande escala.

Não respeitamos a proibição porque está escancarado que foi um erro seguir o caminho dos EUA.
Lhe pergunto: Você é a favor de todas as regras que o governo impõe a você? Eu não...

A sociedade ganharia muito. Uma delas é que seria enfraquecido o poder dos traficantes. (Se eu posso plantar uma maconha de boa qualidade, não tem o porquê eu comprar maconha de baixa qualidade. E, o que na minha opinião seria o principal, a sociedade ganharia MUITO com a extração dos benefícios medicinais que ela proporciona. Pacientes que fazem quimioterapia, por exemplo, terão os danos colaterais da terapia reduzidos a quase zero. Pacientes de soropositivo por exemplo, que não tem disposição para comer, conseguirá se alimentar normalmente. No livro que eu insisto em citar (O FIM DA GUERRA) o autor Denis Russo vai aos EUA, Europa e África conhecer pessoas com doenças crônicas que tem dores insuportáveis que usam a Cannabis para amenizar as dores. E não é só jovem não. Muitos senhores/senhoras fazem uso da Cannabis com esse fim.

Costumo usar essa imagem para um melhor entendimento dos benefícios que podem ser extraídos da erva:
http://a6.sphotos.ak.fbcdn.net/hpho...309702_100002607194863_256428_660960361_n.jpg

Ok, eu estou participando mas confesso que não pensei tão a fundo na questão regulamentar, legalizar, liberar, etc. :hmm:
 

FrindoN

Banido
Banido
[{Goku}];1065610825 disse:
Aqueles que acham que o a legalização vai acabar ou diminuir com o tráfico só podem ser estúpidos, ou, já estão afetados de tanto fumar maconha.

A vida de um traficante vai ser muito mais fácil, para transportar, distribuir se for legalizada. Enquanto que os "fabricantes" legalizados vão ter uma alta carga de imposto.

Daí o maconheiro, vai pensar: "Pago 2x1 com o trafica, ou 10x1 com o legal. Porra mas a diferença é 5 bazucas, vou pegar 2x1 mesmo".

Tenho um monte de amigo, empacado na vida, pois fumam essa ***** todo dia. Os cara não evoluem, alguns até ficam mais lerdos.

Sem falar que, de fato, é a porta de entrada para outros vícios mais degenerativos. Os estudos com viciados em crack/cocaína mostram que começaram com cigarro, bebida e maconha.

[]s

Não sou estúpido, mas estou sim afetado pela maconha. Tanto, que ela abriu meus olhos e me mostrou o quão é ineficaz a nossa "Guerra às Drogas".

A vida de um traficante não será essas mil maravilhas que o Sr. pensa meu amigo. Uma vez que, no Brasil (e em nenhum outro lugar do globo) a maconha é liberada igual cigarro/bebida. Fica tranquilo que a maconha não chegará às grandes indústrias.

A Maconha, assim como álcool e tabaco, tem efeitos diversos em diversas pessoas. Eu, por exemplo, não fico como seus amigos. Sou uma pessoa muito produtiva e em nada a maconha me afeta.

Os estudos mostram que você está enganado. A Maconha é porta de entrada para outras drogas porque o usuário tem contato direto com o traficante, e como se sabe, o traficante possui outras drogas. Se ele possui outras drogas, ele irá oferecer para o usuário.
Se pudéssemos plantar, não teríamos contato com traficante nenhum. Logo, não teríamos contato com outros tipos de droga. É um raciocínio fácil que ninguém quer enxergar.

Se eu posso produzir uma maconha 100x melhor que a do traficante, sem ter que gastar dinheiro, qual seria o motivo para ir até ele?

Muito ceticismo, pouco argumento convincente.
Ok, eu estou participando mas confesso que não pensei tão a fundo na questão regulamentar, legalizar, liberar, etc. :hmm:
Isso é o legal de um debate. Aprendemos coisas que não sabíamos e as vezes até mudamos nosso ponto de vista.
 
Última edição:

DougBR

Banido
Banido
Vai acabar com o tráfico? Onde isso minha gente? Maconha é uma parcela do que o tráfico envolve, esqueceram que existe Heroína, cocaína, crack e cada mês lançam uma droga mais "refinada" no mercado? Cogumelo alucinógeno ta cheio por aí, só precisa rotular e botar pra vender. Sem contar a prostituição, jogo ilegal e outros.
 

[{Goku}]

Member
Registrado
Não sou estúpido, mas estou sim afetado pela maconha. Tanto, que ela abriu meus olhos e me mostrou o quão é ineficaz a nossa "Guerra às Drogas".

A vida de um traficante não será essas mil maravilhas que o Sr. pensa meu amigo. Uma vez que, no Brasil (e em nenhum outro lugar do globo) a maconha é liberada igual cigarro/bebida. Fica tranquilo que a maconha não chegará às grandes indústrias.

A Maconha, assim como álcool e tabaco, tem efeitos diversos em diversas pessoas. Eu, por exemplo, não fico como seus amigos. Sou uma pessoa muito produtiva e em nada a maconha me afeta.

Os estudos mostram que você está enganado. A Maconha é porta de entrada para outras drogas porque o usuário tem contato direto com o traficante, e como se sabe, o traficante possui outras drogas. Se ele possui outras drogas, ele irá oferecer para o usuário.
Se pudéssemos plantar, não teríamos contato com traficante nenhum. Logo, não teríamos contato com outros tipos de droga. É um raciocínio fácil que ninguém quer enxergar.

Se eu posso produzir uma maconha 100x melhor que a do traficante, sem ter que gastar dinheiro, qual seria o motivo para ir até ele?

Muito ceticismo, pouco argumento convincente.

Isso é o legal de um debate. Aprendemos coisas que não sabíamos e as vezes até mudamos nosso ponto de vista.

O meu argumento não é convincente e o teu é? Me desculpe...

O simples fato de você declarar que não fica igual aos meus amigos, mostra a não linearidade dos efeitos da maconha.

Quem usa o cigarro, basicamente, apresenta as mesmas reações. A maconha varia de indivíduo para indivíduo, como prever as reações em larga escala?

O Estado vai ter que arcar no tratamento para dependentes, que desejam deixar de usar, após a legalização? Ou, cada um vai assumir os riscos?
 

MalkavianGuy

CrazyWildDude
Registrado
Falei e repito: com a regulamentação, o tráfico DA MACONHA acaba. Foi assim com Al Capone e o álcool nos EUA.

Não existe a tal da cerveja pirata, existe? Ou o vinho pirata?

Não existe porque o governo criou mecanismos que obrigam tais produtos passarem por uma bateria de testes até estarem disponíveis ao consumidor final. Fora os impostos.

Mas, porque eu acho que não dará certo?
Vocês acham que o tráfico vai aceitar perder esse dinheiro? Al Capone seria dizimado em qualquer favela do Rio de Janeiro hoje em dia.

O tráfico vai cobrar a conta. Seja angariando usuários para outros entorpecentes.

Quem vai comprar a maconha legalizada? 10% a 15% dos usuários brasileiros. Justamente quem planta, quem não precisa ficar em beco, e por aí vai. O que é a minoria.

Acho que não, cara. Brasileiro é malandro demais, quem planta vai continuar plantando. Vai comprar pra quê se pode plantar em casa?
 

FrindoN

Banido
Banido
[{Goku}];1065611077 disse:
O meu argumento não é convincente e o teu é? Me desculpe...

O simples fato de você declarar que não fica igual aos meus amigos, mostra a não linearidade dos efeitos da maconha.

Quem usa o cigarro, basicamente, apresenta as mesmas reações. A maconha varia de indivíduo para indivíduo, como prever as reações em larga escala?

O Estado vai ter que arcar no tratamento para dependentes, que desejam deixar de usar, após a legalização? Ou, cada um vai assumir os riscos?

Creio eu, que o meu argumento convença um pouco. Consegui convencer a minha mãe. Hoje ela trata do assunto com a maior naturalidade do mundo. Isso para mim, é uma enorme vitória. Também, creio eu, que os argumentos falando sobre os benefícios da erva para com a medicina, destrói qualquer moralista.

Quem usa cigarro, morre de câncer. Assim como aconteceu com o meu pai.
Quem bebe, morre de cirrose. Ou acaba matando outras pessoas que nem preciso citar os motivos.
Quem fuma maconha, morre de...?

Você está falando em LEGALIZAÇÃO. Isso realmente não dá certo. O que queremos é a regulamentação da lei que não vê diferença em quem planta para consumo próprio e quem trafica. Você deveria saber que existe uma linha tênue entre Legalizar e Regulamentar.

O Dinheiro que é investido no combate às drogas, poderia ser investido em saúde. É o caso com sucesso de Portugal, que transferiu o 'problema' das drogas do Ministério da Defesa para o da Saúde.
 

[{Goku}]

Member
Registrado
Creio eu, que o meu argumento convença um pouco. Consegui convencer a minha mãe. Hoje ela trata do assunto com a maior naturalidade do mundo. Isso para mim, é uma enorme vitória. Também, creio eu, que os argumentos falando sobre os benefícios da erva para com a medicina, destrói qualquer moralista.

Quem usa cigarro, morre de câncer. Assim como aconteceu com o meu pai.
Quem bebe, morre de cirrose. Ou acaba matando outras pessoas que nem preciso citar os motivos.
Quem fuma maconha, morre de...?

Você está falando em LEGALIZAÇÃO. Isso realmente não dá certo. O que queremos é a regulamentação da lei que não vê diferença em quem planta para consumo próprio e quem trafica. Você deveria saber que existe uma linha tênue entre Legalizar e Regulamentar.

O Dinheiro que é investido no combate às drogas, poderia ser investido em saúde. É o caso com sucesso de Portugal, que transferiu o 'problema' das drogas para o Ministério da Saúde, e não da Defesa.

Não estou analisando a longo prazo, a questão de morrer ou não morrer. Eu não estou nem um pouco preocupado se vão morrer ou não pelo consumo das drogas lícitas ou ilícitas.

Mas a pergunta principal ficou sem resposta:

A maconha varia de indivíduo para indivíduo, como prever as reações em larga escala?
 

Lost4Ever

Active Member
Registrado
Mas não mesmo!
Regulamentar não é legalizar. Se legalizar qualquer indústria terá o poderio de fazer plantação em massa. E isso acarretaria em um produto de baixa qualidade.

Regulamentar, como eu disse, é deixar o usuário plantar a sua erva. No máximo, como eu disse, fazer centros especializados (como na califórnia) onde o usuário maior de 18 anos cadastrado possa pegar uma quantia máxima de 50g por mês. Dá certo lá. Pode dar aqui.



Tenho exemplo de amigos que plantam em casa para consumo próprio. Para você 'traficar' a maconha, terá que plantar em uma fazenda, sítio, algo em grande escala.

Não respeitamos a proibição porque está escancarado que foi um erro seguir o caminho dos EUA.
Lhe pergunto: Você é a favor de todas as regras que o governo impõe a você? Eu não...

A sociedade ganharia muito. Uma delas é que seria enfraquecido o poder dos traficantes. (Se eu posso plantar uma maconha de boa qualidade, não tem o porquê eu comprar maconha de baixa qualidade. E, o que na minha opinião seria o principal, a sociedade ganharia MUITO com a extração dos benefícios medicinais que ela proporciona. Pacientes que fazem quimioterapia, por exemplo, terão os danos colaterais da terapia reduzidos a quase zero. Pacientes de soropositivo por exemplo, que não tem disposição para comer, conseguirá se alimentar normalmente. No livro que eu insisto em citar (O FIM DA GUERRA) o autor Denis Russo vai aos EUA, Europa e África conhecer pessoas com doenças crônicas que tem dores insuportáveis que usam a Cannabis para amenizar as dores. E não é só jovem não. Muitos senhores/senhoras fazem uso da Cannabis com esse fim.

Costumo usar essa imagem para um melhor entendimento dos benefícios que podem ser extraídos da erva:
http://a6.sphotos.ak.fbcdn.net/hpho...309702_100002607194863_256428_660960361_n.jpg

Respondendo a sua pergunta, respondo com outra pergunta:

Quer dizer que seu não concordo com as regras que o governo me impõe, estou no direito de descumpri-las?

Estes "benefícios científicos" que você menciona não tem comprovação cientifica no fim das contas.

Favor não misturar o fato de fumar maconha com o estudo da planta Canabis no meio científico.
 

F0el

0.o
Registrado
Texto escroto! Simplesmente deixou de fora o basico em termos de Direito do cidadao (civil e constitucional). Esqueceu de colocar que, assim como ele afirma ter o direito de fumar maconha, USAR ENTORPECENTE NAO DIZ RESPEITO BASICAMENTE A DISPOSICAO DO PROPRIO CORPO E SIM A SAUDE PUBLICA.

Esqueceu de dizer tb que o "dispor do proprio corpo" encontra limite na ORDEM PUBLICA E NOS BONS COSTUMES, e o que ta na lei.

RESUMINDO = Esse texto e papinho de maconheiro que NAO TEM ARGUMENTO PRA ISSO E QUER DAR UMA DE PORTADOR DA BANDEIRA "DA SOCIEDADE LIVRE".

Vc acha que fumar maconha e legal?

- Fume na frente de quem vc quiser, inclusive sua familia.
- De pro seu filho de 12 anos em diante.
- De pra sua mae, pai e mulher.
- De para o seus parentes.


Sabe qual o maior problema do maconheiro? Ele nao tem culhao pra enfrentar as consequencias das proprias escolhas, ai fica arrumando argumento (tentando) juridico, moral etc pra que as outras pessoas o aceitem ou pelo menos nao o reprimam. Se vc tiver culhao, assuma seu vicio pra todos e diga, "FUMO MESMO, GOSTO DE MACONHA E SOU VICIADO, NAO TENHO QUE ME JUSTIFICAR PRA NINGUEM! NAO ME JUSTIFICO PRA MAE, PAI OU QUEM SEJA!".

Fume e va ser feliz.

Agora, fod*** e o seguinte. O mesmo cara que diz que O ESTADO NAO PODE DIZER A ELE O QUE PODE OU NAO FAZER, NA HORA EM QUE OCORRE ALGUM CRIME, O MESMO SUJEITO EXIGE QUE A INSTITUICAO QUE ELE AFIRMA NAO PODER REPRIMI-LO, DEVE PROTEGE-LO SOB QUALQUER CIRCUNSTANCIA!

Acho que o cara que faz essas coisas nao deveria contar com a protecao da policia, devia ser largado de lado pelo estado e ter que se virar completamente sozinho.
:poker:
 
Última edição:

Sucrilhus

Café com Bolacha
Registrado
"A liberdade consiste em poder fazer tudo que não prejudique o próximo: assim, o exercício dos direitos naturais de cada homem não tem por limites senão aqueles que asseguram aos outros membros da sociedade o gozo dos mesmos direitos. Estes limites apenas podem ser determinados pela lei"

Errado. Os direitos são restritos para proteger não só terceiros como também a própria pessoa que sofre a restrição.

Por exemplo, nosso Código Civil proíbe que você ampute qualquer parte de seu corpo sem a devida justificativa médica.

CC Art. 13 - "Salvo por exigência médica, é defeso o ato de disposição do próprio corpo, quando importar diminuição permanente da integridade física, ou contrariar os bons costumes. "

Ou seja, você não pode chegar prum médico e falar "Doutor, quanto custa pra você cortar meu braço fora?" , se o médico aceitar isso sem a devida justificativa ele perde a licença, por mais que você e ele estejam afins de fazer essa cirurgia, o Estado não vai deixar.

O corpo é seu, e ninguém seria prejudicado se vc quisesse cortar seu braço. Por que então é proibido? Porque o Estado protege VOCÊ também.



OBS:

Como disse em um outro tópico, pra mim não faz sentido a Maconha ser proibida e o Cigarro não. Ou proíbe os 2, ou deixa os 2 legalizados.
 

M0Z4R7.3D

Banido
Banido
Texto escroto! Simplesmente deixou de fora o basico em termos de Direito do cidadao (civil e constitucional). Esqueceu de colocar que, assim como ele afirma ter o direito de fumar maconha, USAR ENTORPECENTE NAO DIZ RESPEITO BASICAMENTE A DISPOSICAO DO PROPRIO CORPO E SIM A SAUDE PUBLICA.

Esqueceu de dizer tb que o "dispor do proprio corpo" encontra limite na ORDEM PUBLICA E NOS BONS COSTUMES, e o que ta na lei.

RESUMINDO = Esse texto e papinho de maconheiro que NAO TEM ARGUMENTO PRA ISSO E QUER DAR UMA DE PORTADOR DA BANDEIRA "DA SOCIEDADE LIVRE".

Vc acha que fumar maconha e legal?

- Fume na frente de quem vc quiser, inclusive sua familia.
- De pro seu filho de 12 anos em diante.
- De pra sua mae, pai e mulher.
- De para o seus parentes.


Sabe qual o maior problema do maconheiro? Ele nao tem culhao pra enfrentar as consequencias das proprias escolhas, ai fica arrumando argumento (tentando) juridico, moral etc pra que as outras pessoas o aceitem ou pelo menos nao o reprimam. Se vc tiver culhao, assuma seu vicio pra todos e diga, "FUMO MESMO, GOSTO DE MACONHA E SOU VICIADO, NAO TENHO QUE ME JUSTIFICAR PRA NINGUEM! NAO ME JUSTIFICO PRA MAE, PAI OU QUEM SEJA!".

Fume e va ser feliz.

Agora, fod*** e o seguinte. O mesmo cara que diz que O ESTADO NAO PODE DIZER A ELE O QUE PODE OU NAO FAZER, NA HORA EM QUE OCORRE ALGUM CRIME, O MESMO SUJEITO EXIGE QUE A INSTITUICAO QUE ELE AFIRMA NAO PODER REPRIMI-LO, DEVE PROTEGE-LO SOB QUALQUER CIRCUNSTANCIA!

Acho que o cara que faz essas coisas nao deveria contar com a protecao da policia, devia ser largado de lado pelo estado e ter que se virar completamente sozinho.
:poker:

:bwahaha: nossa! vc está nervoso hein!?

Cara, eu não li o texto tão seriamente quanto vc, mas acho que também ficaria neuvozu se viesse a ler porque sei que são 'atitudes' dos barbudinho da USP, que não falam com a Mídia Corporativista Burguesa.

Estou participando com conhecimentos que adquiri à partir de minhas experiências na área de saúde, fui inclusive colaborador em determinados lugares que não citarei, então tive contato direto com usuários e outros envolvidos. Quem disse que a 'polícia' não tem problemas nisso? tem policiais que usam drogas como álcool, cigarros, maconha e cocaina também, vc está desfocando sua visão por preconceito.

Outra coisa que discordo é dizer pra consumir de forma ostentosa ou obrigar aos outros usarem, se vc quer usar, vá usar vc, se tiver companias que sejam companias que foram por suas proprias vontades, que papo é esse de botar a família pra usar? o debate tem que ser crítico mas evitando paixões, nem positivas e nem negativas porque isso distorce o raciocínio e deforma os resultados.

"Acho que o cara que faz essas coisas nao deveria contar com a protecao da policia, devia ser largado de lado pelo estado e ter que se virar completamente sozinho. "

Às vezes o cara que vai lá proteger seu patrimônio ou integridade pode estar sofrendo um problema nesta área, a última coisa que o ajudaria seria perceber sua visão preconceituosa sobre ele, estou generalizando, digo que sejam minoria sobre drogas ilícitas, mas sobre álcool e cigarros, tem uma imensa tropa de 'elite' amarrada pelos vícios, então o debate precisa ser mais focado no científico mesmo do que no 'conservador' de moral ou costumes.

Vc marginalizá-los e recrimina-los só incentivará aos mesmos bandiarem para o outro lado, o importante num debate sério é tentar trazer eles de volta para o convívio social, educar e informar que o vício é uma doença e que vc pode controlar ou até abandonar os vícios conscientemente ao invés de transformar isso em uma guerra inócua e infrutífera que só enche os bolsos dos 'falsos moralistas' que investem dinheiro nisso mas não usam.

Além do mais, há drogas que podem ser funcionais enquanto há outras que são apenas prejudiciais, há dúvidas sobre a maconha, pois talvez ela tenha funcionalidades.
 
Última edição:

Usuários que está vendo este tópico

Topo